Área do Aluno

Você é o que você pensa?

30/07/2013

http://panel.phortetv.com.br/img/4/file_51a5fa1f713a2.jpg

Levamos cativos todo pensamento, para torná-lo obediente a Cristo. 2 Coríntios 10:5

Jesus não disse apenas que você deve adorar a Deus de todo coração; disse também que você deve adorá-lo com toda a sua mente (Mt 22:37). Mas o que você pode fazer se sua mente fica tentando fugir o tempo inteiro? Você tem de controlar seus pensamentos. Você deve capturá-los e torná-los obedientes a Cristo. A palavra grega cativo no texto bíblico quer dizer exatamente isso: "fazer prisioneiro". Pense em prisioneiros acorrentados marchando juntos e alguém ao lado deles dizendo "OK, rapazes.. em frente!".

Você pode dizer que seus pensamentos estão sob controle? Ou será que seu cérebro se parece mais com um zoológico onde até o último macaco conseguiu fugir da jaula e está se balançando de um lado para o outro, gritando e jogando cascas de bananas? Por exemplo: quando você é cristão, espera-se que você perdoe os outros. Mas quando alguém pisa legal na bola, você fica com vontade de pendurá-lo pelos dedões do pé?

Não importa quão fértil seja sua imaginação, você não pode ficar numa montanha-russa de pensamentos. Talvez você seja meio desligadão ou criativo, mas isso não é motivo para dar um dia inteiro de folga para sua cabeça. Você pode controlar casa pensamento, mas ainda assim tem de ficar vigilante. Seja agressivo.

Você não quer ficar com a cabeça zerada por causa das confusões, concorda? Então, esqueça a frase, "não faça prisioneiros". Aprisione o máximo de pensamentos. Faça o maior número de prisioneiros que puder. Depois, coloque esses pensamentos para trabalhar por Jesus.

 

Tiago Simas - Redação CEApostólico

< mais notícias